web.admin.bhhot
administrator
  • Cel: (31) 9 9431 7807
  • Fixo: (31) 3342-2889
  • E-mail: contato@freedomsw.com.br
  • Site: http://www.freedomsw.com.br
  • Ver mapa
  • vista da rua
  • Instruções
  • Driving
  • Walking
  • Bicycling
  • Transit
Horário de Funcionamento
  • Diurno
    -~-
  • Ter a Sab
    09:00~18:00
  • Noite
    -~-
  • Qua.Sex.Sab
    20:00~04:00

Freedom Club BH

  • 2374
Descrição

A CASA

A Freedom Club BH foi criada com o intuito de aproximar os casais que desejam um ambiente para fazer novas amizades, apimentar o relacionamento e realizar fantasias. Nossa casa será para vocês o florescer do potêncial erótico, mas sem nenhum tipo de promiscuidade e prostituição. Buscamos sempre tornar sua noite divertida e animadíssima, através dos shows de strip-tease, festas temáticas, música ao vivo, entre outros entretenimentos.

Contamos uma estrutura ampla com muito requinte e bom gosto, ambientes minuciosamente decorados, atendimento diferenciado, discrição e segurança. A casa possui vários darkrooms (quartos escuros), labirinto com cabines para voyeurs (vidros para visualização) e outras cabines com glory holes (buracos para as mãos), vários quartos temáticos com ar condicionado, scotch bar à céu aberto com teto retrátil, boate, cinema erótico e muito mais.

Muitos casais ainda têm dúvidas a respeito do funcionamento de uma casa de swing. Podemos afirmar que podem vir tranqüilos, pois ninguém é obrigado a participar, a menos que esteja à vontade para isto.

Venha curtir uma noite inesquecível na Freedom Club BH !!!

SOBRE SWING

Muitos casais se perguntam curiosos: O que é mesmo essa coisa de Swing!!!

Este não é só um tema interessantíssimo, como também uma oportunidade única de explicar principalmente aos casais liberais que ainda não conhecem o swing, mas também aos iniciantes. Falando o “português claro”, não são poucos aqueles que imaginam o swing como uma mera sacanagem, pura e simplesmente uma forma de “suruba”, e devem pensar também, aonde ninguém é de ninguém. Estão redondamente enganados todos os que pensam assim. Muito longe disto, aliás o swing não tem nada a ver com isto. Swing é uma opção de prazer consciente e consentida, que só satisfaz plenamente aqueles que formam verdadeiramente um casal, sejam eles casados efetivamente, noivos, namorados de algum tempo, ou até amantes constantes e cúmplices entre si. Mas porquê? Imagine-se numa situação destas que povoam o imaginário (a coisa da sacanagem pura e simples) em que você esteja acompanhado de alguém que não lhe diz nada, que para você não tem valor algum enquanto relacionamento. O que é que você vai usufruir?

Apenas tesão e orgasmo, nada além disto. O Swing é muito, mas muito mais do que isto. Ele evolui entre os casais ao longo de OITO FASES, que você verá a seguir:

.

 ENGLISH VERSION

.

THE HOUSE

The Freedom Club BH aims to join couples who want make new friends, spice up the relationship and make costumes. Our house will be for you the flowering of erotic potential, but without any kind of promiscuity and prostitution. We always try to make your fun and thrilled night, through the striptease shows, themed parties, live music and other entertainment.

We have got meticulously decorated rooms, differentiated service, discretion and security. The house has several Darkrooms (dark rooms), maze with cabins for voyeurs (glasses for viewing) and other booths with glory holes (holes for hands), several themed rooms with air conditioning, scotch bar to open with a retractable roof, nightclub erotic movies and more.

Many couples still have doubts about a swing house works. Nobody is forced to do anything, unless you want it.

Enjoy an unforgettable evening at the Freedom Club BH !!!

ABOUT SWING

Many couples wonder: What exactly is Swing !!!

This is not only an interesting subject, but also a unique opportunity to explain mainly to liberal couples who do not know the swing but also to beginners. Unfortunately, many people imagine swing as a mere dirty ˜wrong˜ way to have sex. Those who think so, are sadly mistaken. Far from it, in fact the swing has nothing to do with it. Swing is an option of pleasure conscious and consented only fully satisfy those who truly form a couple, whether married effectively, boyfriends, lovers some time, or even constant lovers and accomplices among themselves. But why? Imagine yourself in this situation that populate the imaginary (the thing outright dirty) where you are accompanied by someone who does not tell you anything, that you don’t have any value as a relationship. What are you going to enjoy?

Just horny and orgasm, nothing beyond that. The Swing is much, much more than that. It evolves among couples over EIGHT STEPS, you will see below:

Etiquetas
    $ s
Perguntas Frequentes

Muitos casais se perguntam curiosos: O que é mesmo essa coisa de Swing!!! Este não é só um tema interessantíssimo, como também uma oportunidade única de explicar principalmente aos casais liberais que ainda não conhecem o swing, mas também aos iniciantes. Falando o “português claro”, não são poucos aqueles que imaginam o swing como uma mera sacanagem, pura e simplesmente uma forma de “suruba”, e devem pensar também, aonde ninguém é de ninguém. Estão redondamente enganados todos os que pensam assim. Muito longe disto, aliás o swing não tem nada a ver com isto. Swing é uma opção de prazer consciente e consentida, que só satisfaz plenamente aqueles que formam verdadeiramente um casal, sejam eles casados efetivamente, noivos, namorados de algum tempo, ou até amantes constantes e cúmplices entre si. Mas porquê? Imagine-se numa situação destas que povoam o imaginário (a coisa da sacanagem pura e simples) em que você esteja acompanhado de alguém que não lhe diz nada, que para você não tem valor algum enquanto relacionamento. O que é que você vai usufruir? Apenas tesão e orgasmo, nada além disto. O Swing é muito, mas muito mais do que isto. Ele evolui entre os casais ao longo de OITO FASES, que você verá a seguir:

Um casal de verdade, seja lá de que tipo for, no dia-a-dia da convivência, vai aos poucos descobrindo formas de se curtirem, de vivenciarem os prazeres da sedução, da sensualidade e do sexo, da cumplicidade e da lealdade. Aquela pessoa é seu par, com quem (e ao lado de quem) você decidiu viver todas as formas de amor e plenitude de satisfação. Isto vai estabelecendo entre os dois laços fortes e sólidos.

Havendo estes laços, inicia-se a fase das fantasias. Muitos casais começam por alimentar fantasias quando estão se amando e uma das mais comuns é “imaginarem-se” com uma outra ou mais pessoas. É saudável, é gostoso e reforça mais e mais os laços entre o casal. Nesta fase vai se “evaporando” todo tipo de insegurança e os dois começam a perceber que são desejados naturalmente por outras pessoas e da mesma forma desejam outras pessoas.

Havendo cumplicidade verdadeira e o acalentar de fantasias inicia-se a fase voyeur, no exato momento que você abre os olhos para as pessoas ao seu redor com a cumplicidade e o incentivo de sua cara-metade, pois ambos sabem que não perderão um ao outro; ao contrário, seus momentos de intimidade agora são povoados pelas pequenas situações excitantes do cotidiano. A fase voyeur se expande até o ponto em que ambos descobrem uma excitação enorme diante da possibilidade de “ver” outras pessoas em situações sensuais. É aí que pinta a vontade de conhecer uma casa noturna, digamos… mais liberal, “mas só para ver como é que é”, este é sempre o primeiro trato.

Acreditem, entrar pela primeira vez numa casa noturna para casais liberais resulta numa sensação simplesmente maravilhosa quando se está junto de quem se ama. O seu lado voyeur vai às nuvens, a libido faz você subir pelas paredes. Neste momento vocês ficam ligados apenas no tesão de “ver” os outros casais e voltam para casa se “catando” já no carro; fazem amor pelo resto da madrugada e pelo dia seguinte inteiro. Depois vão conversar e descobrir que gostaram; que se pode estar junto de pessoas deliciosas sem perder nenhum “pedaço”, seja do corpo, bem como do relacionamento, que se fortalece tal como a uma rocha.

Depois que “descobrem” algumas das muitas possibilidades de prazer e cumplicidade que decorrem desta nova visão mais liberal, os casais iniciantes então voltam pela segunda vez, pela terceira; vão a outras casas do gênero, comparam ambientes, atendimento, segurança, freqüência, etc., até que “pegam gosto” pela coisa e começam a se “produzir” para estes momentos. Roupas mais sedutoras, uma maquiagem mais caprichada, sapatos delicados e sensuais, decotes reveladores, transparências de todo tipo e por aí vai. Eis aí uma nova fase: a do prazer que vem do exibicionismo.

Dá-se quando vocês entram na fase dos toques, carícias e beijos mutuamente consentidos. Sim, é isto mesmo, você tem a opção de dizer “não” e vai ser respeitado(a); insistir nem pensar, é até falta de educação. Nesta nova fase, ambos curtem o prazer incomensurável de tocar e serem tocados por outros casais, num clima maduro de cumplicidade e confiança. As primeiras carícias consentidas, creiam: são inesquecíveis; porquê o seu par está ali ao seu lado, muitas vezes até te incentivando e compartilhando o prazer de ver você tal como ambos imaginavam lá atrás na fase das fantasias.

É de se esperar que num momento aqui e outro ali um casal iniciante se veja diante de uma súbita crise de insegurança, temor ou fragilidade. Na verdade, é que às vezes bate aquele “medão” de “perder” a sua cara metade para um outro alguém que “você” tenha achado mais desejável do que você mesmo. É quando o casal “senta para resolver a relação”. Quando se amam e se desejam de verdade e sabem porque escolheram um ao outro, certamente descobrem conversando que estes medos não infundados. Então, sempre acabam renovando seus laços de cumplicidade, tornado-os absolutos. Crises? Não se iluda, você vai ter as tuas! Não há um único casal liberal que não tenha passado por isto.

Daí por diante, abre-se uma avenida ampla e iluminada, pela qual transitam os desejos de ambos, a cumplicidade plena. Você começa a fazer amigos na noite liberal, saem juntos para outros programas tipo jantar, dançar, viajar, receber e visitar. Tudo debaixo de um código rígido e tácito de mútua cumplicidade e sigilo estrito. Ganham então segurança absoluta e passam a freqüentar com alguma constância as melhores casas do gênero, aonde esperam ser sempre muito bem recebidos, respeitados e atendidos, além de poderem se sentir seguros e satisfeitos de estar lá. Mas, mais do que isto: descobrem que merecem ter sempre o melhor, nada menos que isto. É quando seu nível de exigência já se refinou a ponto de, naturalmente, passarem a selecionar criteriosamente os lugares que vão freqüentar mais assiduamente, não aceitando nada menos que um clube idealizado para sua diversão, lazer, prazer e satisfação absoluta, por isso, lembre-se sempre, esta é a Freedom Club BH.

Venha se divertir e apimentar seu relacionamento na Freedom !!!

A real couple, on a day-to-day life, is slowly finding ways to get to have fun, experiencing the pleasures of seduction, sensuality and sex, complicity and loyalty. That person is your partner, with whom you decided to live all forms of love and fullness of satisfaction. It will establish between the two of you strong and solid ties.

Many couples start to create fantasies when they are in love and the most common is "to imagine" with one or more than one person. It's healthy, it's tasty and strengthen the relationship. This stage will "evaporate" every kind of insecurity and the two begin to realize that they are naturally desired by others and likewise wish other people.

Having true complicity and fantasies cherish begins the voyeur stage, at the very moment you open your eyes to the people around you with the complicity and encouragement from your loved one, they both know that will not lose each other ; on the contrary, their moments of intimacy are now populated by small exciting everyday situations. The voyeur phase expands to the point where both discover a huge excitement at the possibility to "see" other people in sexy situations. That's painting will know a nightclub, say ... more liberal, "but just to see how it is," this is always the first tract.

Believe me, first entering a nightclub for liberal couples results in a sense simply wonderful when you're next to someone you love. Your hand will voyeur clouds, libido makes you up the wall. At this time you are connected only in horny "see" the other couples and go home was "picking up" already in the car; They make love for the rest of the night and the whole next day. After going to talk and find out they liked; you can be with delightful people without losing any "piece" is the body as well as the relationship that grows stronger as a rock.

After "discovering" some of the many pleasure and complicity of possibilities arising from this new more liberal view, beginners couples then come back the second time, the third; They go to other similar homes, compare environments, service, safety, frequency, etc., until "catch like" the thing and begin to "produce" for these moments. more seductive clothes, a more neat makeup, delicate and sexy shoes revealing necklines, transparencies of all kinds and so on. That is a new phase: the pleasure that comes from exhibitionism.

It occurs when you enter the phase of touches, caresses and kisses mutually consented. Yes, that's right, you have the option to say "no" and will be complied with (a); insist not think it is even impolite. In this new phase, both like the immeasurable pleasure to touch and be touched by other couples, a mature atmosphere of complicity and confidence. The first caresses consenting, believe: these are unforgettable; why your partner is there by your side, sometimes even encouraging you and sharing the pleasure of seeing you as both imagined back in the phase of fantasies.

It is expected that in a moment here and there a beginner couple see on a sudden crisis of confidence, fear or weakness. Indeed, it is sometimes hit that "Medão" of "losing" your soul mate for someone else that "you" have found more desirable than yourself. That's when the couple "sit down to resolve the relationship." When love and desire for truth and know why they chose each other, certainly talking discover that these fears not unfounded. So always end up renewing their complicity ties, making them absolute. Crisis? Do not kid yourself, you will get your! There is not one liberal couple who has not gone through it.

Thereafter, it opens up a wide and illuminated avenue, through which pass the desires of both the full complicity. You get to make friends in the liberal night, come together to other programs like dining, dancing, traveling, receive and visit. All under a strict, unwritten code of mutual complicity and strict secrecy. then gain absolute security and begin attending with some consistency the best of its kind homes, where hope always be very welcomed, respected and met, and they can feel safe and happy to be there. But more than that: they discover they deserve always have the best and nothing less than that. That's when their level of demand have been refined to the point, of course, go to carefully select places that will attend more diligently, not accepting anything less than an idealized club for your enjoyment, leisure, pleasure and absolute satisfaction, so remember will always get, this is the Freedom Club BH. Come have fun and spice up your relationship in Freedom !!!